ESTUDO: SÁBADO O QUARTO MANDAMENTO

1618667_665794566810842_1902889873_n
Para entendermos melhor a questão do Sábado, primeiramente, temos que saber qual o significado da palavra Sábado

Em Hebraico – shabāt
Em Latim – sabbatum
Em Português – sábado

Que significa dia de descanso. Sábado = Descanso

O DESCANSO (SÁBADO) DE DEUS. A LEI MORAL E ETERNA.

Êxodo 20. 8-11
Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; portanto abençoou o Senhor o dia do sábado, e o santificou.

SÁBADO DOS DEZ MANDAMENTOS DE DEUS “os meus sábados”

Ezequiel 20. 20
E santificai os meus sábados, e servirão de sinal entre mim e vós, para que saibais que eu sou o Senhor vosso Deus.

O Sábado de Deus, foi criado para lembrarmos dele como criador e mantenedor de todas as coisas.
Se olharmos na bíblia em Gênesis 1. 26-31, veremos que o homem foi criado no sexto dia, e no sétimo (Sábado) descansou juntamente com Deus. “Imaginem Adão descansando juntamente com o próprio Deus, vendo e ouvindo o criador, e recebendo gratuitamente de Deus tudo aquilo que havia sido criado por ele, e aprendendo os ensinamentos do próprio Deus”. O Sábado de Deus existe para, lembrarmos de que Deus é o único Deus de nossas vidas, e se deixarmos de observar esta regra, estaremos lançando por terra toda a criação assim como Deus (então, não a nada melhor do que separarmos este dia para realizar a obra de Deus). É por isso que o quarto mandamento de Deus começa com Lembra-te do dia de Sábado para o santificar. Claro que devemos lembrarmos de Deus todos os dias de nossa vida, mas o sétimo dia, o Sábado do Senhor, devemos para toda a nossa obra pessoal e descansarmos em Deus como Adão fez e como está escrito no seu quarto mandamento em Êxodo 20. 8-11. Mas, com o passar dos tempos, veio o homem com sua autoridade própria e mudou a regra que Deus havia criado, passando o dia de guarda para o Domingo (veja o que o próprio Deus disse em Daniel 7. 25).

(Hoje em di, o sabado para uns é o domingo e para outros, como barbeiros cabelereiros sao na segunda.)